sexta-feira, 12 de junho de 2009

Uma corte de 640 anjos


Seiscentos e quarenta anjos pairam sobre a minha cabeça!...

O que é isto?! Louca evasão de ideias metafísicas? Não. Apenas uma fala de um de meus sonhos abençoados. Sim, eu os tenho! A propósito, já reafirmei aqui (cinco, seis, sete vezes?) que acredito no poder oculto do onírico e, naturalmente, sou sua adepta. Costumo lembrar-me de muitos de meus sonhos, com imagens intensas, vibrantes e detalhadas!... Não sei o que diriam Jung, parapsicólogos ou espiritualistas sobre isso, mas creio que enquanto durmo me conecto com uma dimensão especial e – ao que parece – converso com anjos, deles recebendo mensagens, ideias cifradas e bênçãos... Será, será? Você também acredita nisso? 
Num outro post sobre intuição a que me referi – que fiz há cerca de seis meses – eu contei que a minha poderosa intuição não apenas me alerta quanto a fatos ou situações de perigo, como também me traz notícias adiantadas de coisas boas, numa sensação leve e de regozijo que é capaz de antever momentos mágicos... E que, posteriormente, eu narraria isso aqui. Pois bem, fiz isso no post anterior e repito ora a dose, lembrando que tais “boas antecipações intuitivas” constituem fatos já comprovados em minha escala de felicidades. Porém, descrever com profusão alguns desses momentos mágicos seria matéria para livros e não apenas para posts, acredite, leitor! A vida é bastante criativa comigo... ;) Por isso, vou ater-me à narração da vez, magnífica sensação que tive há algum tempo... Sonhei que estava numa grande casa (a casa da minha infância, com a qual sonho muito), junto de minha mãe e de um simpático senhor – com cara de anjo tornado homem – que era angelólogo (especialista em anjos). No meio de suas explanações sobre o assunto, ele disse à minha mãe, referindo-se a mim:
– Neste momento, uma corte de 640 anjos a acompanha.
Minha mãe, na mesma hora, repassou-me o anúncio. E eu – com o ímpeto que me é peculiar – me aproximei do suposto anjo terreno e perguntei:
– Como assim... 640 anjos?! Isso é possível?
O homem assentiu com a cabeça, com um sorriso entre o célico e o complacente. E acrescentou:
– Agora mesmo eles estão pairando sobre a sua cabeça. Isso tem acontecido permanentemente.
Em outro arroubo, arrisquei nova pergunta:
– E qual é a média de anjos por pessoa? Em casos assim, quantos anjos costumam acompanhar um ser humano?
Lembro-me com perfeição dos olhos do angelólogo me fitando e dizendo:
– Minha filha, há pessoas que não têm nenhum!
Fiquei impressionada. No sonho e na realidade. E, em ambas as dimensões, agradeci a Deus pela concessão de tamanha beleza em palavras tão bonitas, aparentemente sinais de dádivas... E, é claro, inicialmente fiquei imaginando tratar-se de uma simbologia, já que eu não poderia acreditar em tamanho merecimento. No entanto, analisando melhor depois o superpresente de proteção angelical, concluí que talvez só mesmo uma corte dessas para dar conta de mim no dia a dia, diante do trabalho que dou para os Céus, em toda a minha distração ao andar por aí (atravessando a rua sem olhar, por exemplo)... ;)

Ao longo da vida, já sonhei – neste caso, algumas vezes apenas – com o Divino Superior que nos rege. Estas posso aqui contar facilmente, pois dentre as lembranças mais importantes, foram somente três vezes...
Na primeira (emociono-me ao narrar), sonhei com Jesus Cristo. Ele estava em minha casa e me dirigia uma grande bênção com as mãos (O entendimento veio cerca de um mês depois: recebi uma grande dádiva, na ocasião, um presente terreno de expressivo valor para as minhas demandas pessoais (algo que eu almejava havia bastante tempo... a consolidar-se de maneira material).
Na segunda, simplesmente restou a lembrança de que havia sonhado com Deus (acho que aí, num relance, cristalizou-se na concepção de meu pensamento a imagem de Deus-pai, tal como é pregada na concepção difundida da Santíssima Trindade). Foi um sonho naturalmente lindo, cheio de luz! Naquele mesmo dia aconteceu algo maravilhoso, e eu pude facilmente compreender a magnitude do sonho e seu reflexo imediato em minha vida!.. Uma bênção para um familiar. 
Da terceira vez, sonhei com essa maravilhosa e suscetível revelação da presença angelical, multiplicada por 640 vezes!!! Algo esplendoroso!... Pois bem, como sempre, fiquei esperando algo fora do comum acontecer, algo muito bom... E daquela vez, meu caro leitor, a feliz notícia oculta levou o prazo exato de uma semana para se revelar: exatamente sete dias depois entendi o motivo! ;)

Analisando melhor o foco deste post – meu belo sonho angelical de algum tempo atrás –, chego apenas a uma conclusão motivadora: a certeza de que tenho uma poderosa proteção, tal como é interpretada a aparição de anjos em sonhos (especialmente tantos deles!). E novamente agradeço aos Céus, pois sempre é tempo de agradecer e louvar a Magnanimidade Divina.
Quanto ao poder extraordinário das revelações e à exacerbação numérica – ou célica – de meus 640 anjos (o leitor não imagina como isso me deixa com a sensação de protegida! - risos abençoados), são elementos ocultos que me fazem lembrar o bardo inglês: “Há (bem) mais coisas entre o Céu e a Terra do que julga nossa vã filosofia.”

Por Sayonara Salvioli.

11 comentários:

Viviane Senra disse...

Nossa, Sayonara!! Com tanto anjo assim vc tem mais que se sentir protegida mesmo!!! rs rs
Adorei o texto, muito bonito!!!!
Beijossss

Eugênia Côrtes disse...

Querida,
Você merece a proteção de todo esse "séquito" de anjos!!!! Afinal, tem a alma doce e pura. Por isso, conta com a proteção divina!
Que os anjos pairem ao seu redor para livrá-la de perigos sempre!
Abraços de sua amiga e leitora.

bruno disse...

é muito anjo pra uma pessoa só!!!! desse jeito acho que voce pode dividir essa turma com a gente!!!!!! hehehe

Luar Lian disse...

Lindo!!:) Tenho a mesma crença que vc, querida. É no sonho que Deus fala com a gente. A linguagem é ´quase sempre simbólica, pois todos, de qualquer origem poderão entende3r.
Tive plena certeza disso em 1992, uma semana depois do meu partir...um dia conto essa história.

64 - O quadrado de oito é a expressão de uma totalidade realizada, perfeita. É plenitude, beatitude, masa tbém o camp fechado de um combate: tableiro de xadrez com seus 64 quadrados...
...a mãe de Buda teria nascido numa família dotada de sessenta e quatro tipos de qualidades. Confúcio teria tido sessenta e quatro gerações, depois do fundador de sua dinastia, Hoang-ti, segundo São Lucas, Jesus teria pertencido à 64ª geração depois de Adão. 64 mulas puxavam o carro fúnebre de Alexandre, o Grande; na China, 64 pessoas levam os restos mortais do imperador morto. Sessenta e quatro é, sem dúvida, o número simbólico da realização terrestre.
Dicionário de Símbolos, Alain Gheerbrant e Jean Chevalier.
Agora, amiga, imagina isso tudo x 10!!!rs...

bjs delirantes

Entre letras disse...

Olá Sayonara!!!!!!!!!Quanto tempo!!Bacana a postagem e bonito!!!Parabens e felicidades!!!

Cleidi disse...

Hoje 24/07/2009 leio o blog da Sayonara pensei nossa que ganho cultural, que maravilha contar um pouco da sua historia dos seus antecipados de onde eu vim e somando a sua historia de vida repassando os conhecimentos ao longo da vida e seus sonhos.
Pensei!!!!!!!........ Quando conhecemos uma pessoa conversamos por uma, duas, três vezes e ficamos tão próximas como se fosse uma vida inteira de amizade, de carinho, de cumplicidade, vivacidade e alegria de está com ela, como pode ser tanta troca em tão pouco tempo de convívio e escrevendo essas palavras eu declaro que é um encontro de “Dois Seres Humanos” que vibram entre si, no otimismo, na alegria de viver, na bondade do coração bom que procuram dividir as dádivas de Deus com os passam por nos..........pena que nem todos captam essa energia fabulosa mas quando se capta e essa maravilha e alegria no coração.

Lendo seu blog eu pensei nossa.......... Como ela é inteligente como aprendi, mas penso que a nossa convivência vai ser sempre uma grande troca de informações que a vida que vivemos nos deixa como patrimônio, eu sei que tenho muito a aprender com você e sei que vou ensina mesmo que seja um pouquinho ...bem ....pouquinho a você............risos.

Comecei a escrever....escrever .........numa felicidade infantil das grandes amigas e desejando felicidade nessa nova fase de “mudanças”..........risos.........mas meu coração diz que vai dá tudo certo.

Para: Sayonara

De: Cleidi Regina

Elisa disse...

"[Hamlet] Sim, meu caro Horácio..." um sensível príncipe, visionário e incompreendido... além de anjos!
Lindo!
Beijos!

Jaque Alves disse...

Olá Sayaonara!
Td bm cm vc?
Vim aqui p divulgar o Fã Clube do ator Daniel Marques (Marcelo-Caminho das Indias)
http://danielmarquesfaclub.blogspot.com/

Se puder de uma passadinha lá ok?

Ótimo fds!

Bjuss

Anna D' Castro disse...

Oi Sayonara!!!
Vim fazer a visita prometida... Que lindo tá o seu blog! Pudera com uma corte fantástica de tantos anjos protetores...
Parabéns por todo o seu trabalho. Adorei o nosso encontro na Bienal. Agora espero a sua visita no Flores Selvagens, e, se puder, passe do 'ladinho' no Recolhendo Farpas... me daria muito prazer. Têm estado um pouco sozinhos, pois a internet por estas paragens é quase uma raridade...
Bjocas.
Anna D'Castro

Anônimo disse...

Fiquei muito feliz em conhecê-la
no encontro aos pés da montanha!
Deu pra sentir a presença de anjos. Não pude contar, mas sei que estavam lá!

Um beijo,

Sol Brilhante

Silvana Nunes .'. disse...

Que maravilha, Sayonara ! Que proteção...
Passeandp pela net encontrei o seu cantinho. Gostei e pretendo voltar.Aproveito para convidá-la conhecer FOI DESSE JEITO QUE OUVI DIZER... em http://www.silnunesprof.blogspot.com
Paz e Bem.